sfcFC: Uma abordagem de implementação de SFC em ambientes de nuvem com funções de rede utilizando Fastclick

Nome: Renan Freire Tavares
Tipo: Dissertação de mestrado acadêmico
Data de publicação: 25/09/2019
Orientador:

Nomeordem decrescente Papel
Maxwell Eduardo Monteiro Orientador
Rodolfo da Silva Villaca Co-orientador

Banca:

Nomeordem decrescente Papel
Gilmar Luiz Vassoler Examinador Externo
Maxwell Eduardo Monteiro Orientador
Rodolfo da Silva Villaca Coorientador
Vinicius Fernandes Soares Mota Examinador Interno

Resumo: Ao encadeamento de funções de rede, também denominado de Service Function Chaining
(SFC), dá-se a responsabilidade de direcionar o tráfego de rede a fim de cumprir os
mais variados requisitos antes que os dados sejam entregues ao destinatário. Dado o
crescente aumento na demanda de recursos computacionais, novos paradigmas foram
criados a fim de se adaptar a essa nova realidade. Com base na Computação em Nuvem a
abordagem Network Function Vitualization (NFV) permitiu que as funções de rede, outrora
implementadas nos dispositivos de hardware, fossem implementadas de forma virtual. Um
exemplo de ferramenta que entrega tais funções de forma simples é o Fastclick. Este, por
sua vez, é uma derivação da linguagem Click com importantes ajustes de performance.
SFC anda em conjunto com NFV a fim de atender as novas exigências da Computação.
Deste modo, o modelo anterior de baixa capacidade de modificação e bastante dependente
de fabricantes de hardware, foi substituído por este mais flexível e escalável. O tema vem
sendo constantemente estudado pela academia e tratado de forma especial pela indústria.
Entretanto, atualmente ainda há uma carência de ferramentas que cumpram a tarefa de
implementar e disponibilizar essas funções forma simples. Neste intuito, este trabalho visa
entregar o SFC em ambientes de nuvem aproveitando-se da simplicidade de construção
de Virtual Network Functions (VNFs) do Fastclick. O resultado obtido foi a elaboração
do sfcFC, uma abordagem independente de plataforma que, baseada no protocolo que dá
suporte ao SFC, o Network Service Header (NSH), entrega o SFC em ambientes de redes
virtuais de forma programável e aberta.

Acesso ao documento

Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910