Estágio Supervisionado

Segundo o parecer nº 776/97 do Conselho Nacional de Educação, sobre a orientação para as diretrizes curriculares dos cursos de graduação, deve-se “fortalecer a articulação da teoria com a prática, valorizando a pesquisa individual e coletiva, assim como os estágios e a participação em atividades de extensão”. Assim, o Projeto Pedagógico do curso Ciência da Computação aponta nesta direção, incluindo o estágio supervisionado obrigatório como uma unidade curricular e permitindo que o aluno faça outros estágios como atividade complementar.

Considerando mudanças no cenário atual e demandas apresentadas pelos alunos do curso, as normas para realização de estágios por alunos do curso Ciência da Computação da UFES foram revistas desde a publicação do PPC e seguem a Resolução 01/2019 do Colegiado do Curso de Ciência da Computação:

  • Para fazer estágio não obrigatório, o aluno precisará: (i) estar regularmente matriculado; (ii) ter integralizado o terceiro período do curso; e (iii) ter CR igual ou superior a 5,0;
  • O estágio não obrigatório pode ser usado como Atividade Complementar;
  • Para se matricular na disciplina Estágio Supervisionado, a regra permanece como estabelecida no PPC vigente: (i) o aluno precisa estar regularmente matriculado; e (ii) ter integralizado o quinto período do curso;
  • Documentação a ser apresentada: 
  1. Para Inicio de Estágio: termo de compromisso de estágio (obrigatório: Termo de Compromisso de Estágio Obrigatório - Modelo UFES ou não obrigatório: Termo de Compromisso de Estágio Não-Obrigatório - Modelo UFES). No caso de Estágio Obrigatorio, nos períodos de EARTE, deve ser enviado também o Termo de Responsabilidade da Concedente. Modelos destes documentos estão disponibilizados também em Documentos e Formularios;
  2. Para alteração de estágio: Termo Aditivo de Estágio - Modelo UFES;
  3. Para rescisão de estágio: Termo de Rescisão de Estágio - Modelo UFES.

Em outras palavras, os alunos poderão começar a estagiar após concluir o 3º período, mas só poderão se matricular na disciplina Estágio Supervisionado após completarem o 5º. Fazendo dessa forma, é possível manter aderência ao PPC e permitir a realização de estágios mais cedo.

É importante ressaltar que o atendimento aos requisitos é condição essencial para obter autorização para realização de estágios. Dessa forma, os alunos devem estar atentos e se dedicarem para que estejam aptos a estagiar quando desejarem.

Situações excepcionais serão analisadas pela Coordenação de Estágios e pelo Colegiado. Nesses casos, o aluno deve considerar que pode ser necessário um tempo adicional para a análise. Quando um aluno cumpre todos os requisitos (e está com a documentação ok), ele tem a documentação assinada rapidamente. Por outro lado, um aluno em situação excepcional terá que aguardar a análise da sua situação antes de ter a documentação assinada, o que demanda tempo extra. 

A Coordenação de Estágios é atualmente ocupada pelo prof. Giovanni Comarela.

Procedimento para solicitação de estágio

Os alunos que desejarem solicitar estágio com aprovação da PROGRAD devem:

  1. Enviar pedido com a documentação requerida (conforme especificada acima) para a secretaria do colegiado via email secretaria.cienciadacomputacao [at] ufes.br;
  2. A secretaria responderá ao email acusando recebimento do pedido. Caso essa resposta não chegue em 3 dias, o aluno deve reenviar o pedido para secretaria.cienciadacomputacao [at] ufes.br com cópia para cienciadacomputacao [at] ufes.br;
  3. A secretaria encaminhará os documentos para o coordenador de estágio, que verificará se está tudo correto. Se necessário, ele entrará em contato direto com o aluno para esclarecer duvidas e solicitar alguma ação;
  4. Após autorização do coordenador de estágio, o processo será criado no sistema de protocolo da UFES e enviado para a PROGRAD. A secretaria enviará o número do processo por email para o aluno para que ele possa consutlar o processo em protocolo.ufes.br;
  5. A partir do envio do processo para a PROGRAD é obrigação do aluno acompanhar o andamento do processo no sistema de protocolo da UFES. Em caso de alguma inadequação a PROGRAD comunica ao aluno no próprio processo o que deve ser ajustado. Após fazer as correções o aluno deve encaminhar o documento corrigido para o coordenador de estágios, o qual assinará e enviará novamente para a PROGRAD. Quando não existe nenhuma necessidade de adequação, a PROGRAD anexa o documento assinado pela UFES no processo e este pode ser baixado pelo aluno na aba Peças do sistema de protocolo da UFES.

Importante: para acessar todo o conteúdo anexado ao seu processo, o(a) estudante deve acessar o sistema de protocolo da UFES com seu login e senha institucionais (os mesmos usados para acessar o Portal do Aluno). 

Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910