Um ambiente online para apoio dialogado à aprendizagem de programação

Nome: Renato de Moura Santos
Tipo: Dissertação de mestrado acadêmico
Data de publicação: 22/07/2019
Orientador:

Nomeordem decrescente Papel
Credine Silva de Menezes Orientador
Davidson Cury Co-orientador

Banca:

Nomeordem decrescente Papel
Alberto Nogueira de Castro Júnior Examinador Externo
Credine Silva de Menezes Orientador
Davidson Cury Examinador Interno

Resumo: O ensino da disciplina de algoritmos e linguagem de programação têm se tornado cada vez mais importante num mundo conectado pelas tecnologias da informação e a sua aprendizagem é essencial para as demais disciplinas num curso de computação, uma vez que a resolução de problemas através de algoritmos ocorre em praticamente todo o curso. Embora a importância do ensino de programação, as dificuldades de aprendizagem desta disciplina são notórias e o processo de ensino apresenta diversos desafios ao professor e ao aluno. As principais dificuldades dos alunos são evidenciadas durante a realização das atividades propostas e residem principalmente no desenvolvimento da lógica de programação, na falta de domínio da sintaxe e semântica da linguagem de programação e dificuldades na interpretação dos problemas propostos. Por outro lado, ensinar a programação para alunos iniciantes exige do professor uma forte demanda de interação a fim de atender, acompanhar, mediar e avaliar estes alunos. Esse trabalho apresenta um ambiente de programação com suporte à conversação com o aluno e tem como objetivo oferecer as condições para que este aluno obtenha feedbacks durante a resolução dos problemas propostos, ao tempo que libera o professor das demandas recorrentes de atendimentos. Portanto, foi realizado um estudo de caso e pesquisa de referencial teórico a fim de se conhecer as dificuldades recorrentes que poderiam ser transferidas para o ambiente e para identificar as abordagens computacionais que poderiam ser utilizadas na implementação de uma proposta de ambiente. Foram criados os assistentes pedagógicos baseados em agentes inteligentes responsáveis por efetuarem atendimentos às dificuldades informadas pelos alunos ou dedicados à análise do código-fonte das atividades desenvolvidas em busca de indícios de dificuldades não expressadas diretamente. A validação da proposta ocorre com a implementação de uma prova de conceito de parte da solução e a aplicação deste protótipo a curso de intensivo de introdução à linguagem de programação. Os dados coletados foram analisados e os resultados obtidos apresentaram evidências que a solução proposta fornece as condições para melhorar o suporte ao aluno durante a realização das atividades, além de liberar o professor dos casos recorrentes dos pedidos de atendimentos.

Acesso ao documento

Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910